Manifestações contra Belo Monte chegam a oito capitais

Nesta terça-feira (20/4), atingidos por barragens, militantes de movimentos sociais, indígenas e ambientalistas, além de trabalhadores urbanos e de pastorais sociais realizaram protesto em sete capitais e em Brasília contra a construção da usina Hidrelétrica de Belo Monte. Atingidos por barragens de Tocantins e Goiás se mobilizaram em Brasília.

Movimentos contra Belo Monte

Movimentos sociais e indígenas promovem coletiva de imprensa sobre a implantação da usina de Belo Monte, no Pará. A coletiva foi realizada no dia 12/4, em Brasília (DF). Além dos porta-vozes dos movimentos e organizações que lutam contra a usina de Belo Monte, participaram como convidados o cineasta James Cameron e os atores Sigourney Weaver e Joel David Moore.

Assista abaixo o vídeo, que também pode ser visto em: http://redeculturaldaterra.blip.tv/

Marcha pede cancelamento da construção de Belo Monte

Da RadioagênciaNP

Para pedir o cancelamento da licença prévia e do leilão da construção da hidrelétrica de Belo Monte – marcado para o dia 20 de abril –, o Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB), realizou, nesta segunda-feira (12/04), uma marcha na cidade de Brasília (DF).

Com o apoio da Via Campesina, MST, Movimento Xingu Vivo para Todos, entre outros, aproximadamente mil pessoas percorreram a Esplanada dos Ministérios, Ministério do Meio Ambiente, Congresso Nacional, Ministério da Justiça, Ministério das Minas e Energia, Ministério da Indústria e Comércio e ANEEL.

Atingidos por barragens marcham contra Belo Monte

Na próxima segunda-feira (12/4), cerca de mil pessoas estarão em marcha contra a hidrelétrica de Belo Monte. A mobilização é coordenada pelo Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB) e começará às 8h, na Torre de TV (Eixo Monumental), em Brasília e deve durar quatro horas.

Construção da Usina de Belo Monte é denunciada à ONU

Do Cimi

Documento entregue na última quinta-feira (1/4) às Nações Unidas denuncia que falhas no processo de licenciamento foram ignoradas por pressão política; mais de 100 movimentos sociais, associações, organizações e sindicatos assinam a denúncia; há situações de ameaças de morte a opositores do empreendimento.

Entidades internacionais denunciam Belo Monte

Do Cimi

Em carta enviada ao Presidente Lula na última quarta-feira (10/3), 140 entidades internacionais repudiam o projeto da hidrelétrica de Belo Monte, no rio Xingu, Pará, e pedem que o governo pare o processo de Belo Monte.

As entidades se mostram detalhadamente informadas sobre o projeto. Denunciam as falhas no processo democrático que o governo está levando à frente. Apontam a falta de consulta dos povos indígenas e comunidades tradicionais impactados com a obra, como determina a Constituição brasileira e vários tratados internacionais.

Entidades internacionais denunciam projeto de Belo Monte

Do Cimi

Em carta enviada na última quarta-feira (10/3) ao Presidente Lula, 140 entidades internacionais repudiam o projeto da hidrelétrica de Belo Monte, no rio Xingu, Pará e pedem que o governo pare o projeto.

As entidades se mostram detalhadamente informadas sobre o projeto. Denunciam as falhas no processo que o governo está levando à frente. Apontam a falta de consulta dos povos indígenas e comunidades tradicionais impactados com a obra, como determina a Constituição brasileira e vários tratados internacionais.