Terminator, o sonho mais desejado das transnacionais

 

Por Silvia Ribeiro
Do grupo ETC
No La Jornada
*
 

Em 1998,  o grupo ETC (então chamado RAFI) denunciou a existência de patentes sobre uma tecnologia que denominou Terminator. Trata-se de uma tecnologia transgênica para fabricar sementes suicidas: são plantadas, dão frutos, mas a segunda geração se torna estéril, obrigando os agricultores a comprarem sementes a cada estação.

Entidades condenam projeto que libera sementes Terminator no Brasil

 

Da Página do MST

 

O deputado Cândido Vacarezza (PT-SP) apresentou o PL 5575/09, em 2009, que prevê a liberação das sementes Terminator no Bra­sil.

A tecnologia Terminator (que quer dizer “exterminador” em inglês) se refere a modificações ge­néticas feitas nas plantas para produzir sementes estéreis, ou seja, que não se reproduzem.