Compromissos de Jatene impõem dificuldades à Reforma Agrária

.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.

Por João Márcio
Da Página do MST

Antes de entrar em uma reunião com o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), na semana passada, em Marabá, o dirigente estadual do MST Alberto da Silva Lima declarou que “temos menos de dois meses para ainda fazer algo, pois os diálogos se cessarão com Jatene”.