Produção

Terra de Sabores lança novos produtos da Reforma Agrária no ES

Confira os novos produtos e onde encontrar o seu!

Novos produtos da marca Terra de Sabores. Foto: Divulgação

Da Página do MST

A marca de produtos da Reforma Agrária, criada e organizada por famílias Sem Terra do MST, no Espírito Santo, Terra de Sabores, anuncia o lançamento de novo lote de produtos em 2021.

Fruto da organização produtiva em torno da Cooperativa de Produção Comercialização e Beneficiamento dos Assentados (Coopterra), os novos produtos são entregues e comercializados nos Armazéns do Campo e parceiros da Reforma Agrária em todo país.

Estão sendo lançados produtos como o Café Terra de Sabores tradicional, extra forte e superior, em Alto Vácuo e com embalagem normal, de diversos tamanhos. E a Pimenta preta e branca em grãos, nas opções com e sem moedor.

Com entregas em todo país, os contatos e reservas dos produtos podem ser feitos através do telefone (27) 998177827 ou pelo correio eletrônico coopterraes@gmail.com, no setor Comercial da Coopterra/ES, com Ricardo e Joãozinho.

Os produtos da marca Terra de Sabores também são encontrados facilmente pelo trabalhador e trabalhadora da cidade em espaços e atividades realizadas pelo MST em todo país. E estão disponíveis para compra no Armazém do Campo, loja do MST que tem atuado em rede e possui estabelecimentos em São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Maranhão e Recife. 

A criação desses produtos resulta de um intenso processo de luta pela terra e Reforma Agrária no Brasil, com a ocupação de latifúndios, a resistência das famílias em acampamentos, o trabalho coletivo nos assentamentos, a mobilização e organização popular em torno da luta para produção de alimentos saudáveis e a melhoria das condições de vida das famílias assentadas.

Coopterra: fruto de luta e organização coletiva

Com mais de oito anos de existência, a cooperativa se tornou referência na venda de café e pimenta, que leva a marca Terra de Sabores. E vem ampliando a produção e comercialização de licores e geleias.

O cultivo e beneficiamento de café e pimenta é feia em dez assentamentos das regiões Norte e Noroeste do Espírito Santo, com a participação direta de 450 famílias Sem Terra. Já a produção de licores e geleias é furto de três assentamentos com 127 famílias, também do MST, principalmente da região Sul.

Saiba mais: Você conhece a Terra de Sabores?

O embrião da Coopterra surge a partir da organização da produção de 34 Famílias Sem Terra, que se integraram à primeira ocupação de terra do MST no estado do Espírito Santo. Após a conquista da terra foi instalado no local o assentamento Vale da Vitória, localizado no município de São Matheus, na região Norte do estado.

*Editado por Fernanda Alcântara