Imperialismo e violência no Haiti

Por Cássia Bechara

Desde 2004 o Haiti está mais uma vez ocupado por forças internacionais. Primeiro foram as tropas da França, Estados Unidos e Canadá. Depois, com a “queda” do presidente eleito, Jean-Bertrand Aristide, as tropas da ONU – comandadas pelo exército brasileiro – assumiram o papel dos soldados estadunidenses e franceses, mantendo a ocupação militar de um país soberano e independente.