Seis prefeituras em Rondônia são ocupadas por cerca de 1300 Sem Terra

Da Página do MST

Cerca de 1300 trabalhadores rurais Sem Terra ocuparam seis prefeituras municipais no estado de Rondônia, na última quinta-feira (8).

Com a ação, os Sem Terra pretenderam trazer para a sociedade a luta pela Reforma Agrária Popular, integrando as pautas locais de cada município com as estaduais. 

Dentre as pautas, os trabalhadores rurais cobraram melhores condições na saúde pública, exigindo apoio aos médicos cubanos nos municípios e atendimento às comunidades que ainda não foram contemplados.