Artigos

Ghassan Kanafani e o MST

50 anos do assassinato de Ghassan Kanafani, escritor, militante marxista palestino e um dos fundadores da Frente Popular para a Libertação da Palestina

Colômbia: da berraquera ao poder

Após o inconcluso acordo de paz, e como consequência de uma explosão social sem precedentes, a Colômbia agora será governada por uma coalisão progressista. Poderá um país com 70 anos de guerra interna converter-se em uma potência mundial pela vida?

Que não morra a esperança, nem o combate, nem o amor

Com o canto de Alí Primera milhões de chavistas se formaram politicamente e ele segue inspirando aquelas e aqueles que insistem em lutar, resistir e convocar o povo para continuar no processo de liberação dos povos e da construção da sociedade socialista.

A FNLA e a independência da Argélia

A Revolução Argelina deve ser celebrada por todos os que lutam pela autodeterminação e soberania dos povos. O grito de rebeldia de 1 de novembro de 1954 foi um grito de todos os explorados.

Cuba inclina balança na América Latina

Os protestos na ilha ilustram um descontentamento que deriva do criminoso bloqueio dos EUA durante a pandemia. A direita está redobrando sua agressão de Miami e tentando reverter as adversidades políticas que enfrenta na região.

Cuba inclina la balanza de América Latina

Las protestas en la isla ilustran un descontento que obedece al criminal bloqueo acentuado por Estados Unidos durante la pandemia. El futuro de todos los proyectos latinoamericanos de soberanía, desarrollo e igualdad se juega en la defensa de la revolución

Cuba: Nova ofensiva e a tempestade perfeita

A crise gerada pela pandemia e agravada por sessenta anos de bloqueio econômico e por uma campanha de agressão dos Estados Unidos, criou as condições para uma "tempestade perfeita", que a partir de Miami fez uma tentativa de gerar uma "explosão social"

Un golpe que todavía grita

La historia brasileña registró el evento del Golpe como un punto de inflexión y el inicio de un período oscuro, reaccionario y protofascista

92 anos de Che Guevara

O médico argentino que se tornou um dos maiores símbolos do espírito revolucionário de esquerda e no ícone do regime em Cuba