Sem Terra ocupam duas áreas no Paraná e intensificam a luta pela terra

 

Da Página do MST

Em meio a milhares de hectares tomados pela monocultura da cana, os Sem Terra ocuparam, na última sexta-feira (16), a área da Fazenda Tabapuã, em Centenário Sul, pertencente ao grupo Atalla, dona da Usina Central do Paraná.

Atualmente, mais de 1500 famílias organizadas pelo MST estão acampadas na região, produzindo alimentos onde antes só se via cana e pobreza.

Kátia Abreu, a ministra que desmata a razão

 

Por Rodrigo Martins
Da Carta Capital

De 2011 a 2014, a presidenta Dilma Rousseff incorporou 2,9 milhões de hectares à área de assentamentos e beneficiou 107,4 mil famílias sem-terra, segundo o mais recente balanço do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária, divulgado na quarta-feira 7. É a menor média anual de assentamentos desde o governo Fernando Henrique Cardoso. A petista distribuiu terras a 26,8 mil famílias a cada ano, contra 76,7 mil no período Lula e 67,5 mil nos dois mandatos do tucano.

Concentração de terra cresce e latifúndios equivalem a três Sergipe


Por Tatiana Farah
Do Globo


O Brasil registrou durante o primeiro governo da presidente Dilma Rousseff um aumento de concentração de terras em grandes propriedades privadas de pelo menos 2,5%. Dados do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) revelam que, entre 2010 e 2014, seis milhões de hectares passaram para as mãos dos grandes proprietários — quase três vezes o estado de Sergipe. Segundo o Sistema Nacional de Cadastro Rural, as grandes propriedades privadas saltaram de 238 milhões para 244 milhões de hectares.

Com transgênico, insegurança alimentar nos EUA aumentou em 57%


Por Christina Sarich*
Da Naturalsociety

Você não imaginaria a fome que assola os subúrbios da América, mas os cidadãos vivem em cidades como Houston, Detroit e Fresno, Califórnia mesmo ou Orlando, Florida se preocupando em alimentar suas famílias todos os meses. Certamente essas pessoas são beneficiadas por culturas geneticamente modificadas que são cultivadas em cada pedaço de terra em torno deles, certo? Realmente Não.

Após campanha de solidariedade, Sem Terra celebram liberdade dos 5 cubanos

Por Maura Silva
Da Página do MST

O presidente de Cuba, Raul Castro, anunciou na tarde desta quarta-feira (17), a liberdade dos três últimos prisioneiros cubanos que, há mais de 16 anos, permaneciam presos nos EUA acusados de espionagem. 

Desde 2012 diversas organizações sociais retomaram a Campanha pela Liberdade dos cinco Cubanos, e o MST foi uma das organizações que encabeçou a iniciativa.

Manifestantes ocupam Núcleo de Educação contra fechamento de escolas

Por Maura Silva
Da Página do MST

Desde a manhã desta segunda-feira (15), cerca de 400 pessoas estão acampadas no Núcleo de Educação do Paraná, no município de Laranjeiras. 

Os militantes pedem a reabertura das 65 turmas de ensino que foram fechadas pela Secretaria de Educação nos municípios de Quedas do Iguaçu e Laranjeiras do Sul. 

Para Jaqueline Boeno, do setor de educação do MST, o sistema de ensino do estado não pode sofrer com as conseqüências da má administração do atual governo de Beto Richa (PSDB). 

MST recebe homenagem da EMERJ por atuação na luta pela Reforma Agrária

Por Maura Silva
Da Página do MST


Marina dos Santos, da coordenação nacional do MST em Brasília, recebeu na noite desta quarta-feira (10), a medalha da Escola de Magistratura do Estado do Rio de Janeiro (EMERJ), em reconhecimento aos relevantes serviços prestados à sociedade brasileira e ao poder judiciário.

O juiz e membro do fórum de Direito e Psicanálise da EMERJ, Rubens Casara, ressaltou a importância de homenagear uma figura que representa a Reforma Agrária, uma das lutas mais legítimas e urgentes do país.

Moradores podem ter sido contaminados por consumirem água com agrotóxico, no RS

 

Por Maura Silva
Da Página do MST


Na semana passada, dez pessoas foram internadas após ingerirem água de um riacho em Lajeadinho, Cacique Doble, no norte do Rio Grande do Sul. 

Investigações preliminares dão conta de que a água utilizada para consumo pelos moradores da região estaria contaminada pelo “agente laranja” 2,4 D (2,4-Diclorofenoxiacético), um agrotóxico altamente nocivo para a saúde humana. 

Da produção dos assentamentos para o prato do consumidor


Da Página do MST

Mais uma vez, o Largo da Carioca será palco da maior feira do Rio de Janeiro com produtos oriundos de assentamentos. Entre os dias 8 a 10/12, cerca de 130 agricultores e agricultoras vão participar da 6° Feira da Reforma Agrária Cícero Guedes.

Nessa edição, uma novidade: três dias de evento, onde a sociedade terá a oportunidade de conhecer a produção dos assentamentos, das cooperativas e de grupos coletivos por meio da compra de produtos direto das mãos dos agricultores.

Ruralistas e a Senadora Kátia Abreu querem privatizar a Embrapa

 

Da Página do MST

A Bancada Ruralista, que em 2015 elevará o número de cadeiras no Congresso Nacional de 205 para 273, já começa a trazer à tona projetos de interesse próprio. 

Um deles é o Initial Public Offering (IPO) da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa). 

Na prática o IPO consiste na abertura de capital da empresa, ou seja, ações ou cotas podem ser adquiridas em leilões de mercado. 

Ruralistas ampliam ataque aos direitos fundiários dos povos indígenas

 

Do Cimi

O Conselho Indigenista Missionário (Cimi) repudia veementemente o texto do “Substitutivo à Proposta de Emenda à Constituição 215/2000” apresentado pelo deputado ruralista Osmar Serraglio (PMDB-PR), no dia 17 de novembro de 2014.

A PEC 215/2000 e seu Substitutivo é descaradamente inconstitucional e ultrajante aos povos. Inviabiliza novas demarcações de terras indígenas. Reabre procedimentos administrativos já finalizados. Legaliza a invasão, a posse e a exploração das terras indígenas demarcadas.