Movimentos prometem intensificar cobranças sobre governo e Parlamento

 

Por Alex Rodrigues
Da Agência Brasil

 

Centro do debate nesses primeiros dias após a divulgação do resultado das eleições, a economia não será o único desafio a tirar o sossego dos governantes que assumirem em 1º de janeiro. Independentemente do apoio dado durante o pleito, organizações sociais prometem intensificar a vigilância e a pressão sobre a presidenta reeleita Dilma Rousseff, sobre governadores e parlamentares para ver atendidas suas reivindicações e impedir o que classificam de “retrocessos em direitos sociais”.

Sem infraestrutura adequada, Sem Terra trancam rodovia em Tocantins

 

Da Página do MST

Cerca de 70 famílias do MST trancaram BR-010, em Silvanópolis, a 110 km de Palmas (TO), nesta quarta-feira (29).

A mobilização foi motivada pela falta de infraestrutura dos assentamentos da região. 

De acordo com os moradores, não há água encanada ou energia elétrica no local. As cestas básicas que garantiam a segurança alimentar das famílias foram suspensas.

Sem Terra e sem-teto planejam intensificar ações em 2015

 

Por Camilla Veras Mota
Do Valor

Os principais grupos de sem-terra e de sem-teto do país já se organizam para intensificar as mobilizações em 2015. Tanto o Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST) quanto o Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST) não declararam apoio a nenhum dos candidatos no primeiro turno, mas declararam o voto em Dilma Rousseff (PT) no fim da corrida, em rejeição declarada a Aécio Neves (PSDB), considerado uma ameaça às conquistas do período anterior.

Em Brasília, marcha denuncia o genocídio da população negra

 

Da Página do MST

Nesta sexta-feira (22), acontece a 2° Marcha Internacional Contra o Genocídio do Povo Negro, em Brasília.

A mobilizaçõa está sendo convocada pela campanha “Reaja ou será morto(a)”, que se iniciou na Bahia com o movimento luta contra o Racismo e o fim do Genocídio da população negra, em 2005.

A Marcha está organizada em 15 países e 18 estados do Brasil. Além do Distrito Federal, estão confirmados atos em São Paulo, Rio de Janeiro, Paraná, Piauí, Maranhão, Rio Grande do Sul, Amazonas e Espírito Santo, entre outros.

Sem avanços, 2.500 trabalhadores rurais permanecem mobilizados no Pará

 

Da Página do MST
 

Mais de 2.500 trabalhadores rurais voltaram às margens da BR 155, em Eldorado dos Carajás (PA), após o fracasso da reunião entre os movimentos sociais do campo com o do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) de Marabá e o Instituto de Terras do Pará (Iterpa), realizada nesta quarta-feira (13).

A reunião entre trabalhadores rurais, a superintendência regional do Incra e representantes do Iterpa terminou sem maiores avanços em relação a pauta apresentada pelos trabalhadores rurais. 

Mais de 2 mil Sem Terra realizam ações em todo o estado do Ceará

 

Por Aline Oliveira
Da Página do MST

Mais de 2.000 Sem Terra realizam ações em diversas partes do estado do Ceará na manhã desta quarta-feira (25).

Por volta das 8h, os trabalhadores rurais trancaram as principais rodovias do estado. Cerca de 250 pessoas fecharam a BR 222, no município de Umirim. No município de Limoeiro do Norte, a BR 116 também foi trancada por cerca de 1.000 trabalhadores. Outros 400 Sem Terra trancaram a BR 020, em Canindé, e a estrada do algodão, no município de Quixadá, também foi bloqueada por 350 pessoas.

Trabalhadores rurais acampam na sede do Incra em Imperatriz, no Maranhão

 

Por Reynaldo Costa
Da Página do MST

Cerca de 150 famílias de trabalhadores rurais ocuparam a sede do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), nesta segunda-feira (26), em Imperatriz, no Maranhão. Os Sem Terra reivindicam maior rapidez em processos de regularização de áreas ocupadas. Algumas famílias estão a mais de oito anos acampadas.

Trabalhadores rurais realizam dia de luta em todo o país

Por Andreia Verdélio e Yara Aquino
Da Agência Brasil

A Confederação Nacional dos Trabalhadores na Agricultura (Contag) organizou nesta terça-feira (20) o Dia D do 20º Grito da Terra Brasil. Promovido em parceria com as federações dos Trabalhadores na Agricultura (Fetags), o Grito da Terra Brasil este ano decidiu descentralizar as mobilizações. Em vez de organizar marcha apenas na capital federal, o movimento promove atos em todo o país.

MST ocupa prefeitura de Irituia (PA) e reivindica melhorias nos assentamentos

Da Página do MST

Na manhã desta terça-feira (13), famílias ligadas ao MST ocuparam a Prefeitura Municipal de Irituia, nordeste paraense. As famílias reivindicam melhorias e mais investimentos públicos para o Assentamento Luís Carlos Prestes, localizado às margens da rodovia BR-010 (Belém-Brasília).
 

O MST afirma que não há como fomentar a produção agrícola senão houver investimentos e qualidade de vida para os camponeses e camponesas.

Movimentos sociais realizam encontro estadual em Belo Horizonte


Do Brasil de Fato – MG

A partir de 1º de maio, será realizado em Belo Horizonte o 5º Encontro dos Movimentos Sociais de Minas Gerais, na Praça da Assembleia Legislativa. Os organizadores esperam receber 2 mil pessoas, para debater dois plebiscitos populares: o Plebiscito pela Redução da Conta de Luz, realizado em Minas em 2013, e o Plebiscito por uma Constituinte do Sistema Político, que está programado para setembro deste ano, em todo o Brasil.

Jovens ocupam Diretoria de Educação no sul da Bahia e cobram direitos


Da Página do MST

A Juventude Sem Terra ocupou nesta quinta-feira (10) a sede da Diretoria Regional de Educação número 09 (Direc 09), localizada em Teixeira de Freitas, extremo sul da Bahia.

A ação contou com a participação de 130 estudantes de toda a região, ao cobrarem a circulação dos ônibus escolares, que estão parados há 20 dias, impossibilitando que os jovens assistam as aulas que iniciaram em março.

Centrais esperam reunir 50 mil em marcha nesta quarta-feira, em São Paulo

 

Por Vitor Nuzzi
Da RBA

 

A manifestação, ou marcha, que seis centrais sindicais realizaram nesta quarta-feira (9) não pretende ser um ato contra o governo, afirmam seus representantes. É antes uma cobrança, extensiva ao Parlamento, sobre o não atendimento de uma série de reivindicações, pelo menos uma com quase duas décadas de espera, caso da proposta de redução da jornada de trabalho. Mas isso não impede os dirigentes de criticar o governo Dilma Rousseff, e um deles defender explicitamente o chamado “Volta, Lula”.

Assentados do MST ocupam a Conab, em Porto Alegre

 

Da Página do MST

Cerca de 400 agricultores assentados do MST ocupam o prédio da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), em Porto Alegre/RS, nesta terça-feira (8).

Os assentados exigem a retomada dos programas da Conab, parados desde o segundo semestre do ano passado.

Trabalhadores rurais ocupam Ministério do Trabalho por melhores condições


Da Adere

 

Mais de 350 trabalhadores rurais ocuparam o prédio do Ministério do Trabalho nesta quarta-feira (2), em Varginha (MG). Eles reivindicam melhores condições de trabalho, entre elas o fim do trabalho escravo e infantil na região. 

Segundo os representantes da Articulação dos Empregados Rurais da Região Sul de Minas (Adere), os números de trabalhadores nestas condições assustam.

Sem Terra bloqueiam rodovia e lutam por terras irrigáveis em Alagoas


Por Rafael Soriano
Da Página do MST 

Na manhã desta quinta-feira (3), mais de 500 trabalhadores organizados no MST bloquearam a BR 423, no município de Água Branca (330 km de Maceió) para cobrarem o assentamento de famílias em áreas irrigáveis. 

Mais de 1500 camponeses criaram, em novembro de 2013, o Acampamento Nelson Mandela, que reivindicam essas áreas.

Pais e estudantes se mobilizam por construção de escola no Rio Grande do Sul

Por Solange
Da Página do MST

Cerca de 300 pais e estudantes da Escola Estadual de Ensino Fundamental Rui Barbosa bloquearam por duas horas o acesso a rodovia RS 040 – subdistrito de Moro Grande, no município de Viamão/RS -, na tarde desta sexta-feira (21).

A mobilização cobrou do governo do estado a construção de uma nova escola no subdistrito de Moro Grande e a construção de uma passarela de acesso à escola pela RS 040.