5 de novembro de 2021

Militantes Sem Terra de todo Nordeste iniciam curso de formação

Por Rafael Soriano
Da Página do MST 


Com a presença de 82 militantes dos diversos estados do Nordeste, o MST deu início no último dia 31/10 a sua nova turma do Curso Básico de Formação Política para militantes. 


A escola de formação acontece em Sergipe com duração de 45 dias, e aborda temáticas sobre a luta de classes, a realidade brasileira e os desafios e tarefas da construção da Reforma Agrária Popular.

Sem Terrinha protagonizam lutas na defesa da educação em Alagoas

Por Gustavo Marinho (texto e fotos)
Da Página do MST

 

Durante todo o mês de outubro, a Jornada Sem Terrinha mobilizou diversas crianças acampadas e assentadas em todo o Brasil, e em Alagoas não foi diferente. 


As crianças realizaram marchas, ocupações e atividades festivas em vários pontos do estado, reivindicando melhores condições de vida no campo.

Justiça mantém liminar que suspende financiamentos do BNDES à Fibria

 

Do MPF-ES


Atendendo pedido do MPF, TRF2 negou pedidos da Fibria e do BNDES para cassar liminar proibindo qualquer financiamento destinado ao plantio de eucalipto ou à produção de celulose


O Ministério Público Federal conseguiu manter, na Justiça, a liminar que suspende o financiamento por parte do Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) à Fibria, maior empresa brasileira de celulose e papel, destinado ao plantio de eucalipto ou à produção de celulose em área de quilombolas no Norte do Espírito Santo.

MST tranca rodovia no norte de Minas e pede desapropriação de área

 

Da Página do MST


Cerca de 100 famílias do MST trancaram na manhã desta quarta-feira (5) os dois sentidos da BR 135, no município de Engenheiro Navarro, no Norte de Minas Gerais. 


Segundo os Sem Terra, as famílias acampadas na fazenda Santo Eloy aguardam há cinco anos pela regularização da área. 

CPT quer mais compromisso do governo com os povos que lutam pela terra

 

Por Daniele Silveira
Do Brasil de Fato


No dia 30 de outubro, o presidente da nacional da Comissão Pastoral da Ter­ra (CPT), Dom Enemésio Lazzaris, enviou carta à presidenta reeleita Dilma Rousse­ff, em que destaca, entre outros pontos, os conflitos e a violência no campo.


Com fortes críticas ao modelo do agro­negócio, sustentado pelo governo petista na última década, Lazzaris diz no docu­mento que a retomada da reforma agrá­ria “é uma medida mais que urgente que o novo governo deve tomar.”

Brava gente assentada: o assentamento Celso Furtado


Por Rosa Freire d'Aguiar*
Da Carta Maior


Claudelei estava na aula de fotografia, em Cascavel, interior do Paraná. O professor começou a mostrar trabalhos de grandes fotógrafos mundiais. De repente, aparece o retrato de uma garotinha de olhos claros, cabelo desgrenhado, bochechas sujas. Claudelei comenta: “Conheço essa menina, é a Joceli, minha vizinha.” Humm... Claudelei, filho de camponeses, nascido no Paraguai, conhece a menina clicada por Sebastião Salgado e que virou capa de seu livro “Terra”?

MST realiza Feira da Reforma Agrária na Universidade Federal de Sergipe

 

Da Página do MST

 

O cenário não é comum. Nessa primeira semana de novembro (04/11 a 08/11), os estudantes e visitantes do Campus da Universidade Federal de Sergipe (UFS), no município de São Cristóvão, vão se deparar com  dois barracos de lona montados por trabalhadores rurais do MST.

Eles poderão ter uma ideia da realidade vivida por uma família acampada. Do lado, assentados apresentam uma Feira da Reforma Agrária com produtos oriundos da agricultura familiar: abóbora, macaxeira, mel, frutos e hortaliças.

Extinção das abelhas por agrotóxicos pode levar a colapso alimentar mundial



Por Leonardo Ferreira
Da Radioagência NP


A extinção das abelhas pode levar a colapso mundial alimentar e essa realidade parece estar próxima. Cientistas alertam que colônias inteiras do inseto estão ameaçadas. A situação coloca em risco a própria produção de alimentos para os seres humanos, já que as abelhas desempenham papel fundamental na polinização das plantas.

PEC condena trabalho escravo mas protege o latifúndio



Por Valmir Assunção*

O Senado Federal deve votar o PLS 432/2013, projeto que regulamenta a PEC do Trabalho Escravo, que, na casa, é conhecido como PEC 57-A/1999. Sem quase nenhuma cobertura da imprensa, é preciso alertar para o que pode significar um retrocesso do objetivo desta proposta.

Transgênicos: da clandestinidade à quase onipresença nas lavouras de soja



Por Samantha Maia
Da CartaCapital


Da clandestinidade à quase onipresença nas lavouras de soja, as sementes transgênicas da Monsanto passaram por cima da polêmica sobre os riscos ao meio ambiente, à saúde humana e à concentração do mercado. Na última década, desde a liberação no mercado nacional, em 2003, o Brasil tornou-se o segundo mercado da companhia, atrás apenas dos EUA.

GDF pretende despejar 670 famílias do Acampamento 22 de agosto


Da Página do MST*

As famílias organizadas pelo MST e MATR denunciam o uso irregular da Fazenda Gama, localizada na BR 040, no DF. A Terracap, por sua vez, quer utilizar a área para a construção de setor habitacional urbano sem apresentar alternativas para os agricultores.

Após audiência com a Ouvidoria Agrária Nacional no último dia 31/10, o  Acampamento 22 de agosto, formado por 670 famílias do MST e MATR, tem o prazo de um mês para se retirar da área da Fazenda Gama, localizada na BR 040, próximo ao balão do Catetinho, no DF.

Vale recebe o prêmio de pior corporação do mundo

 

 

Da Justiça Global

Murilo Ferreira, presidente da Vale, recebeu, em mãos, nesta manhã (31), pela Articulação Internacional dos Atingidos pela Vale o prêmio Public Eye Awards, concedido a empresa, no início do ano, pela suas numerosas violações dos direitos socioambientais, bem como acusações de evasão fiscal e dívidas bilionárias. 

Ao receber o prêmio, Murilo Ferreira disse que não considera prêmios desse tipo, por envolver organizações estrangeiras, que, na sua opinião, “querem bloquear o desenvolvimento do Brasil”. 

Assentamento Reunidas comemora seus 25 anos e os 104 de Seu Luiz


Por Ramiro Olivier
Da Página do MST


Neste feriado de finados, o assentamento mais antigo do estado de São Paulo com 629 famílias assentadas, comemorou seus 25 anos de existência. Com a luta iniciada em 1987, o assentamento Reunidas, localizado no município de Promissão, também celebrou entre os dias 2 a 5 deste mês os 104 anos do lutador e Sem Terra mais velho deste Brasil, Seu  Luiz Beltrame.

Organizações da sociedade civil africana exigem o fim dos cultivos transgênicos


Da Página do MST

Organizações da sociedade civil africana redigiram um manifesto exigindo aos governantes a imediata proibição de cultivos transgênicos em todo o continente.

O manifesto se dá por causa da insegurança científica em torno dos alimentos geneticamente modificados, tanto no que se refere a saúde humana quanto a problemas ambientais.

Latifundiários da Amazônia tem a maior concentração de trabalho escravo


Por Guilherme Zocchio
Da Repórter Brasil


Mais de um terço das libertações de escravos realizadas pelo Ministério do Trabalho e Emprego de 1º de janeiro até 18 de outubro de 2012 aconteceram em fazendas de gado dentro dos limites da Amazônia Legal, de acordo com dados da Comissão Pastoral da Terra (CPT). Dos 150 flagrantes registrados até agora em 2012, 54 envolveram pecuária na região. 

Sem Terra ocupam parque industrial da Usina Cambahyba no Rio de Janeiro


Da Página do MST

Cerca de duzentas famílias do MST ocuparam na madrugada desta sexta-feira (2) o parque industrial da Usina Cambahyba, no município de Campos dos Goytacazes. A usina é um complexo de sete fazendas que totaliza 3.500 hectares. Esse latifúndio foi considerado improdutivo, segundo decisão do juiz federal Dario Ribeiro Machado Júnior divulgada no último dia 17 de junho. A área pertencia ao já falecido Heli Ribeiro Gomes, ex-vice governador biônico do Rio, e agora é controlada por seus herdeiros.

“É preciso enfrentar o latifúndio, monocultura e agronegócio”, afirma Jaime

Por Vanessa Ramos Da Página do MST Dilma Rousseff promete não criminalizar movimentos sociais, mas o que de fato deve-se esperar da presidenta eleita? Será que a Reforma Agrária terá condições de avançar durante o novo governo? Essas e outras questões políticas têm deixado muita gente preocupada. No entanto, ao afirmar a necessidade de se fazer uma "revolução no campo", Dilma responde aos anseios dos trabalhadores rurais brasileiros. Em outras palavras, essa eleição deu um novo ânimo para as lutas sociais do país.

Bancada ruralista se articula para aprovar Código Florestal

Do Escrevinhador Sob duras críticas de ambientalistas e intelectuais, o projeto de modificação do Código Florestal foi aprovado em julho em uma comissão especial da Câmara. De acordo com o deputado Luís Carlos Heinze (PP-RS), o projeto não foi ao plenário naquele momento a pedido dos candidatos do PT e do PSDB à presidência. Agora, o “objetivo é aprovar, sem modificações, o texto do relator na comissão especial, deputado Aldo Rebelo (PCdoB-SP)”.

ENFF promove seminário sobre vida e obra do peruano José Carlos Mariátegui

Por Maria Aparecida Da Página do MST

”Fazer política é passar do sonho às coisas, do abstrato ao concreto. (...) Admitir uma quebra de continuidade entre teoria e prática, abandonar os realizadores a seus próprios esforços, ainda que concedendo-lhes uma cordial neutralidade, é renunciar à causa humana” J. C. Mariátegui

Nota sobre a Jornada de Luta por Reforma Agrária no Pará

O MST do estado do Pará iniciou no dia 3/11 uma Jornada de Luta pela Reforma Agrária. Esta mobilização vem exigir o cumprimento de uma pauta de reivindicação dos trabalhadores e trabalhadoras com demandas de todas as áreas de acampamentos e assentamentos do MST estado.

Sem Terra continuam jornada de lutas no Pará

O MST do Pará continua a jornada de lutas contra a lentidão do processo de Reforma Agrária, pelo assentamento das 2 mil famílias acampadas no estado e por obras de infra-estrutura nos assentamentos antigos. Os protestos denunciam o uso de milícias armadas pelo latifúndio e defende a agilização da retomada de terras griladas. "A retomada das terras griladas está parada e os latifundiários estão utilizando milícias armadas para intimidar as famílias Sem Terra", denuncia integrante da coordenação nacional do MST, Maria Raimunda César.

Luta pela terra na Amazônia: uma vez mais impera parcialidade da mídia

Da Agência Adital Desde ontem a mídia local e os veículos grandalhões, como ironizava o jornalista Sérgio de Souza, sentam a pua no MST do Pará. A parcialidade sobre a cobertura envolvendo a luta pela terra na Amazônia não é invenção desses dias. Vem de velha data, onde a omissão ou ignorância sobre a complexidade da questão serve de moldura. A refrega envolve o movimento e o tentáculo rural do banqueiro baiano Daniel Dantas, a Agropecuária Santa Bárbara, e uma outra propriedade de tradicional família paulista, os Quagliato.

Violência no campo não é culpa do MST, diz Suplicy

Da Agência Senado Em pronunciamento nesta quarta-feira (4/10), o senador Eduardo Suplicy (PT-SP) disse que a violência que ultimamente vem sendo atribuída ao MST não deve ser imputada aos integrantes da organização.

PEC da alimentação é aprovada no Congresso

A Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 047/2003, que inclui o Direito Humano à Alimentação entre os direitos sociais da Constituição federal, foi aprovada em primeiro turno pelo plenário da Câmara dos Deputados, em votação expressiva na noite desta terça-feira (3/11). A matéria, aprovada por 374 votos a 2, deve ser votada ainda em segundo turno.

Depois de expulsão violenta, dois professores indígenas ficam desaparecidos

Do Barsil de Fato Dois professores indígenas Guarani Kaiowá, Riolindo Verá e Jenival Verá, estão desaparecidos desde a madrugada do último sábado (31/10) depois que um grupo de pistoleiros expulsou a tiros 25 pessoas que retomavam a Fazenda Triunfo. A área indígena Po`i Kuê, ocupada hoje pela fazenda Triunfo, fica no município de Paranhos na fronteira com o Paraguai e é reivindica pelos indígenas. "Essa é a nossa terra, faz 40 anos que a gente foi expulso de lá. Eu nasci lá e fui expulso de pequeneninho", explica Verá.

Técnicas alimentares: saúde ou doença?

Por Gilberto Dupas A alimentação humana, contaminada de agrotóxicos e pesticidas e alterada em sua natureza intrínseca pelo processamento radical, está sendo acusada por especialistas de ter sido transformada em uma máquina de fabricar doentes e gerar verdadeiras epidemias contemporâneas,…

Ressuscitando usinas de cana falidas

De um lado, o fortalecimento da monocultura da cana-de-açúcar para o programa dos agrocombustíveis. De outro, a expansão das empresas transnacionais para a produção da fruticultura irrigada para exportação. De norte a sul, a transposição do Rio São Francisco.

Monsanto também quer plantar cana no Brasil

A transnacional estadunidense Monsanto começou a investir no mercado de cana-de-açúcar. A empresa anunciou, nesta terça-feira (4/11), a compra de duas empresas de biotecnologia do Grupo Votorantin que atuam no fornecimento e melhoramento genético de cana-de-açúcar. As empresas Canavialis e…

Sem Terra ocupam sede do Incra no Mato Grosso do Sul

Desde a manhã de terça-feira (4/11), 500 trabalhadores e trabalhadoras Sem Terra ocupam a sede do Incra em Campo Grande. Eles protestam frente a lentidão e falta de compromisso para com a Reforma Agrária por parte do órgão e do…

Stedile faz balanço econômico e político de 2008

Nesta quinta-feira (6/11) João Pedro Stedile, da direção nacional do MST concederá uma Coletiva de Imprensa, na sede da ACIE (Associação dos Correspondentes de Imprensa Estrangeira no Brasil), no Rio de Janeiro, às 9h30. Joao Pedro Stedile fará um balanço…

MST retoma marchas à Fazenda Coqueiros, no Rio Grande do Sul

Os trabalhadores rurais Sem Terra decidiram retornar nesta terça-feira, dia 6, as marchas em direção à Fazenda Guerra, em Coqueiros do Sul. As três colunas deverão reiniciar a caminhada no início da manhã, por volta das 6 horas. A decisão…

Lutador da Reforma Agrária sofre atentado no Espírito Santo

No último sábado, dia 3 de novembro, Bento Xavier (conhecido por Bentinho), morador de Airituba (Palmital), município de São José do Calçado, Espírito Santo, sofreu um atentado provocado pelo fazendeiro Walfrido Pereira Neto. Ele realizou disparos com arma de fogo…

América Latina financia países ricos

Informativos – Últimas do MST América Latina financia países ricos 05/11/2004 Por: Jorge Pereira Filho Fonte: Jornal Brasil de Fato O Brasil e toda a América Latina não exportam apenas soja, frango e outros produtos agrícolas, de baixo valor agregado,…

Para o MST, a terra não tem preço

Edivar Lavratti Se é verdade que agronegócio combina com produção e progresso, a região Norte do Estado de São Paulo anda escorregando bastante. A cidade de Ribeirão Preto é conhecida pelo título de “capital do Agronegócio”, apesar de ter 1760…

Governo relaxa fiscalização do trabalho infantil

Informativos – Últimas do MST Governo relaxa fiscalização do trabalho infantil 05/11/2004 Por: Fernanda Sucupira Fonte: Jornal Brasil de Fato Uma portaria publicada pelo Ministério do Trabalho e Emprego pode comprometer o combate ao trabalho infantil no Brasil, que atinge…

Esquerda lançará jornal semanal de circulação nacional

Com previsão de lançamento para o final de janeiro de 2003, durante a terceira edição do “Fórum Social Mundial”, o jornal “Brasil de Fato” baseará seu perfil editorial no “Projeto Popular para o Brasil”, documento produzido pelos movimentos sociais e…