Projeto propõe erradicar o analfabetismo em áreas do MST na Bahia

Da Página do MST

A presença do analfabetismo entre jovens e adultos é consequência da desigualdade social existente em nosso país. Pensando nisto, neste sábado (10/01) o Assentamento Bela Manhã, localizado no município de Teixeira de Freitas, na região do extremo sul baiano, sediará a aula inaugural do Projeto de Educação de Jovens e Adultos “Sim, eu Posso”.

O projeto é inspirado no método cubano de alfabetização e se organiza a partir de tele-aulas mediadas por um educador que auxiliará no processo educativo, propondo alfabetizar em três meses.

Sem Terra comemoram conquistas na educação com Formatura Coletiva

 

Da Página do MST*

No extremo sul baiano, já se foram 28 anos de luta dos Sem Terra nas mais diversas áreas. Uma delas são as conquistas no âmbito da educação. E para celebrá-las, o MST realiza uma formatura coletiva de sete turmas de ensino médio da região.

A Formatura acontece no próximo sábado (20), na Escola Popular de Agroecologia e Agrofloresta Egídio Brunetto, no município de Prado. A proposta é que o ato traga elementos místicos para se pensar o processo de luta pela terra na região e as conquistas populares.

Sem Terra iniciam curso de graduação em ciências sociais na UFRN

Da Página do MST

Cinquenta educandos, filhos e filhas de camponeses beneficiados da luta pela Reforma Agrária de todo nordeste, iniciaram no mês de dezembro o curso de ciências sociais na Universidade Federal do Rio Grande do Norte, em Natal.

O ato público de abertura da turma aconteceu no último dia 28/11, e contou com a presença da Reitora, Ângela Maria Paiva Cruz, e do coordenador do curso, César Sasson.

MP se posiciona contra programa que ensina crianças a usar agrotóxicos


Por Maura Silva
Da Página do MST


O Ministério Público do Estado do Paraná enviou ao Conselho Estadual de Educação uma notificação na qual recomenda a revisão do conteúdo e metodologia utilizados no programa “Agrinho”, promovido pela FAEP (Federação da Agricultura no Estado do Paraná).   

O programa tem como objetivo a formação de professores e dos alunos para a utilização do uso de agrotóxicos, tratando o tema como fator necessário para a expansão da economia agrária no país.

Pontal realiza Encontro Regional de Educadoras e Educadores do campo

Da Página do MST

O MST no Pontal do Paranapanema reuniu cerca de 150 educadores e educadoras para avaliar, planejar e refletir o fortalecimento da educação nas escolas dos assentamentos da região, além de demarcar os preparativos rumo ao II ENERA.

O evento, que aconteceu na cidade de Teodoro Sampaio, é um marco no fortalecimento do setor de educação regional e no debate sobre a educação do campo.

Primeiro livro sobre a rede Fora do Eixo será lançado em SP


Do Fora do Eixo


Início dos anos 2000. Cuiabá. Capital do Mato Grosso. Um grupo de estudantes universitários se reúne e resolve fundar um espaço destinado à produção cultural e ao ativismo político.

Nasce o Espaço Cubo, que iria virar de pernas pro ar a cena local de música jovem cuiabana ao criar um novo sistema solidário de financiamento cultural, baseado em uma moeda social, o Cubo Card.

6° Encontro Nacional de Violeiros leva música camponesa a São Paulo


Da Página do MST

Começa nesta quinta-feira (27/11) o VI Encontro Nacional de Violeiros, em São Paulo. O evento vai contar com shows de diversos nomes consagrados da viola caipira para celebrar o instrumento e melodias que evocam o campo brasileiro.

O evento ocorre na Galeria Olido, a partir das 19 horas, e vai até sábado (29/11). O encontro é uma parceria entre a Associação Nacional de Violeiros do Brasil e a Prefeitura Municipal de São Paulo. A entrada é franca.

Sem Terra debatem os desafios da educação do campo e da agroecologia

 

Por Wesley Lima
Da Página do MST

Entre os dias 23 e 25 de novembro, o MST realizará o 1º Seminário de Educação do Campo e Agroecologia na Escola Popular Egídio Brunetto, localizada no município do Prado, região do extremo sul da Bahia.

A atividade pretende intensificar o processo de formação dos educadores e educadoras do campo sobre a agroecologia nas escolas dos assentamentos e acampamentos da região. O evento conta com o apoio de 27 escolas das áreas da Reforma Agrária.

Cerca de 300 pessoas participam do Encontro de Educação do Campo no CE

Por Sheila Rodrigues e Marcelo Matos
Da Página do MST

Fotos: Elitiel Guedes

Com o tema “A Educação do Campo na Construção da Reforma Agrária Popular”, o MST realiza o 6° Encontro Estadual de Educadores e Educadoras no Ceará. 

Com a participação de 300 educadores e convidados, o evento acontece entre os dias 20 a 23 no município de Beberibe, há 50 km de Fortaleza.

Projeto de escola em assentamentos do MST no RS ganha prêmio de Tecnologia

Por Débora Fogliatto*
Do Sul 21

A Escola Estadual de Ensino Médio Antônio Conselheiro, que atende 200 crianças e jovens de dez assentamentos do Movimento Sem Terra (MST), elaborou um projeto de nomeação de estradas que envolveu toda a comunidade.

A iniciativa saiu dos assentamentos e rodou o Brasil, sendo premiada com o 2° lugar na Mostra Brasileira e Internacional de Ciência e Tecnologia (Mostratec), no eixo: Ensino Médio Politécnico, ciências sociais, comportamento e artes.

Militantes Sem Terra de todo Nordeste iniciam curso de formação

Por Rafael Soriano
Da Página do MST 

Com a presença de 82 militantes dos diversos estados do Nordeste, o MST deu início no último dia 31/10 a sua nova turma do Curso Básico de Formação Política para militantes. 

A escola de formação acontece em Sergipe com duração de 45 dias, e aborda temáticas sobre a luta de classes, a realidade brasileira e os desafios e tarefas da construção da Reforma Agrária Popular.

No Recôncavo, Sem Terra debatem o processo de transição agroecológica

 

Por Wesley Lima
Da Página do MST

Formação e produção são espaços que dialogam cotidianamente com os diversos trabalhadores e trabalhadoras Sem Terra em toda Bahia. 

Pensando nesta questão e com o objetivo de realizar o processo de transição agroecológica com as famílias assentadas, o MST realiza o 1º Seminário de Agroecologia do Recôncavo Baiano.

A atividade visa a capacitação dos agricultores em técnicas agrícolas de base ecológica. O Seminário será realizado no Assentamento Eldorado, localizado no município de Santo Amaro.

Escola de assentamento é premiada na Mostra de Ciência e Tecnologia

Do Setor de comunicação MST/RS
Da Página do MST

Na última sexta-feira, (31/10), o projeto “Construindo Caminhos para a Valorização do Espaço em que Vivemos”, da Escola Estadual de Ensino Médio Antônio Conselheiro, foi premiado com o 2° lugar na Mostra Brasileira e Internacional de Ciência e Tecnologia (Mostratec), no eixo: Ensino Médio Politécnico, ciências sociais, comportamento e artes.

Amigos da ENFF tem o desafio de fortalecer cada vez mais a escola

Por Maura Silva
Da Página do MST 

Fundada em dezembro de 2009, a Associação dos Amigos da Escola Nacional Florestan Fernandes (AAENFF) segue com o objetivo de reunir pessoas que, afinadas com o processo pedagógico instituído na Escola Nacional Florestan Fernandes (ENFF), possam contribuir com a efetivação de uma força transformadora que lute para construir uma sociedade mais justa e igualitária.

Movimentos realizam ato em compromisso com a educação popular

 

Da Página do MST

Nesta sexta-feira (17/10), o Sindicato dos Trabalhadores da Educação de Alagoas (Sinteal) e o MST realizam em Maceió o ato em defesa da Educação de Jovens e Adultos e da Educação Popular, com o relançamento do livro “O menino que lia o mundo” de Carlos Rodrigues Brandão e debate com o autor. O evento, aberto ao público, acontece às 14 horas no Espaço Cultural do Sinteal (bairro Mutange).

No Pará, os sem terrinhas participam de audiência com Incra e Justiça Federal

 

 

Por Viviane Brígida 

Para Página do MST

 

 

Nesta segunda feira (13), cerca de 350 sem terrinhas realizaram uma marcha e participaram de audiência com o INCRA e Justiça Federal, onde as crianças foram recebidas pelo Dr. Marco Antônio. Uma das conquistas obtidas foi a desapropriação da Fazenda Fazendinha atualmente Acampamento Frei Henry, que segundo informação da Justiça Federal, até quarta-feira (15) será publicado no Diário Oficial.

 

Parceria do MST com Instituto Federal resulta em curso de agroecologia

 

Por Alan Tygel, de Belém (PA)

Para Página do MST

 

Aliar o conhecimento técnico da academia ao saber popular camponês. Essa é uma das motivações do Curso de Formação em Agroecologia, Agricultura de Base Ecológica e Políticas Públicas, realizado em parceria entre o MST Pará e o IFPA Castanhal. O segundo tempo escola terminou na última sexta (10), e contou com visitas a diversas experiências de agroecologia no nordeste do Pará.

 

“A Reforma Agrária passa pela elevação do nível de escolaridade da nossa base”


Por Maura Silva
Da Página do MST

A experiência do MST com as redes de Ensino Médio e Fundamental tem sido uma das principais lutas do Movimento relacionado à educação. 

Essa luta nasceu da necessidade de fazer com que os filhos dos assentados e acampados pudessem estar resguardados em relação à alfabetização e a educação.

Associada à ideia de construir nos jovens uma consciência revolucionária, a realidade escolar é atrelada ao meio da luta em que os educandos vivem no campo. 

Juventude Sem Terra realiza encontro intersetorial na Amazônia

Da Página do MST

Entre os dias 27 a 30 de setembro os Sem Terra da Regional Amazônica realizaram o Seminário Intersetorial Juventude, Cultura e Comunicação, em Marabá (PA).

Jovens dos estados do Pará, Maranhão e Tocantins debateram e trocaram experiências de ações do coletivo na região, tendo como elementos a análise de conjuntura e discutindo formatos de luta, como agitação e propaganda (Agitrop).

Movimentos sociais e a educação do campo perdem um grande militante

Da Página do MST

O MST no estado do Tocantins lamenta profundamente a perda trágica do grande companheiro e Professor Flávio Moreira, que por volta das 17h do último dia 27 de setembro sofreu um acidente automobilístico, junto com sua esposa, vitimando fatalmente o professor. 

Flávio Moreira, 46 anos, fez parte do quadro de Professores da Universidade Federal do Tocantins (UFT) – Campus de Tocantinópolis, curso de Pedagogia, e onde também atuou como Diretor do Campus. 

Encontro de educadores do campo comemora os 30 anos do MST

 

Da Página do MST

Muita pertença e animação. Esse era o sentimento estampado no tremular das bandeiras e nas músicas entoadas durante o 26º Encontro Estadual de Educadores e Educadoras da Reforma Agrária do Espírito Santo.

Os cerca de 200 educadores dos assentamentos e acampamentos do estado, se reuniram entre os dias 14 a 17 de setembro no Centro de Formação Maria Olinda, em São Mateus.

Jovens realizam oficina em escola pública e debatem Reforma Agrária

Por Wesley Lima
Da Página do MST

Pensar no processo de formação social e o posicionamento da juventude dentro do atual momento histórico foi um dos principais objetivos da oficina de formação realizada nesta quarta-feira (17) no Colégio Estadual Maria Xavier, localizado no município de Presidente Tancredo Neves, no baixo sul da Bahia.

A oficina aconteceu no período da manhã e pela tarde, envolvendo cerca de 100 estudantes do Ensino Médio.

ENFF realiza Semana Florestan Fernandes

Da Página do MST

Na tarde desta terça-feira (16), militantes de todo o Brasil e de mais 19 países iniciaram a 6° Semana Florestan Fernandes, na Escola Nacional Florestan Fernandes (ENFF), em Guararema (SP).

A atividade, que se estende até o próximo sábado (20), trabalha temas relacionados ao pensador brasileiro, como Florestan Fernandes e a Formação de Quadros, apresentado pelo professor do departamento de história da UNESP, Paulo Martinez.

Encontro de educadores debate pedagogia da Educação do Campo

 

Da Página do MST


Entre os dias 14 a 17 de setembro, será realizado o 26º Encontro Estadual de Educadores e Educadoras da Reforma Agrária do Espírito Santo, no Centro de Formação Maria Olinda, no município de São Mateus.

A Pedagogia do Movimento no Contexto da Reforma Agrária Popular e dos 30 anos do MST será o tema deste ano. O encontro pretende debater a Pedagogia do MST no processo de formação dos camponeses, visando o fortalecimento da Reforma Agrária Popular.

Juventude Sem Terra realiza curso de formação no Rio Grande do Sul

Da Página do MST
 

Formar seres humanos mais plenos e que sejam sujeitos da sua própria história, dando continuidade as lutas sociais de que são herdeiros. 

Com este objetivo, iniciou-se no dia 1º de setembro o “curso de formação em trabalho e gestão coletiva com os educandos e educandas das escolas itinerantes e dos assentamentos do Paraná”, realizado no Instituto de Educação Josué de Castro (IEJC), em Veranópolis (RS).  

Sem Terra realizam formação de promotores agroecológicos

Da Página do MST*

Camponeses de diversos assentamentos do MST e técnicos agrícolas do estado de Sergipe participaram, entre os dias 25 a 27/08, de mais uma etapa de formação de promotores agroecológicos.

A atividade aconteceu no centro de formação Canudos, no Assentamento Moacir Wanderley, região metropolitana do estado, com o intuito de promover e difundir a prática agroecológica na região. 

Juventude Sem Terra levanta bandeira da Reforma Agrária em Escola Pública

Por Wesley Lima
Da Página do MST

Fotos: Manuela Hernandez

Qual é o nosso papel nesta sociedade? O que podemos fazer para mudar a realidade em que vivemos? Foi a partir destas e outras perguntas que a Juventude Sem Terra em parceria com o Núcleo de Estudos e Práticas em Políticas Agrárias (NEPPA) construiu um espaço de debate, formação e empoderamento de jovens estudantes da rede pública de ensino em Salvador.

Seminário na Universidade de SC debate arte e política no campo

Por Fábio Reis
Da Página do MST

Nesta quinta-feira (21), o MST junto ao Curso de Especialização Lato Sensu Arte no Campo e a Universidade Estadual de Santa Catarina (UDESC) iniciam o Seminário Arte do Campo, perspectivas políticas e desafios.

A atividade, que acontece na própria UDESC e conta com o apoio do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), se estende até sábado (24) e é aberta a todos os que querem participar.

Camponesas estudam a relação das mulheres dentro e fora do MST

Por Viviane Brigida
Da Página do MST

Entre os dias 15 a 17 de agosto, cerca de 45 mulheres dos estados do Pará, Maranhão e Tocantins participaram da primeira etapa do curso Feminismo e Marxismo da região amazônica, no município de Marabá (PA).

Segundo Izabel Lopes, do MST Pará, o curso foi a realização de uma demanda antiga das mulheres da região em estudar e debater a relação das mulheres dentro e fora do Movimento.

Acampados inauguram Biblioteca Comunitária Dona Maurina

Da Página do MST*

Os Sem Terra do Acampamento Valdir Macedo, no município de Cachoeira do Itanhy – divisa entre Sergipe e Bahia – inauguraram nesta quinta-feira (14) a Biblioteca Dona Maurina.

O nome da biblioteca homenageia uma grande lutadora que dedicou sua vida a uma educação igualitária e às lutas sociais na região.

6º Encontro de Educadores debate educação do campo em SC

Por Juliana Adriano
Da Página do MST

Entre os dias 7, 8 e 9 de agosto ocorre o 6º Encontro Estadual de Educadores e Educadoras da Reforma Agrária de Santa Catarina, no município de Friburgo, na Escola 25 de Maio.

O objetivo do encontro é aprofundar o estudo da proposta de educação do MST, contribuindo na formação dos educadores e educadoras e na construção da educação do campo.

Campanha contra os agrotóxicos fortalece os princípios da agroecologia na Bahia


Por Wesley Lima
Da Página do MST

Refletir com atividades criativa o contexto dos assentamentos e escolas do campo, orientar sobre os riscos do uso de agrotóxicos e reafirmar as discussões acerca dos princípios da agroecologia: esses são os principais objetivos da campanha “Extremo Sul pela Vida, Agrotóxicos Zero”.

Lançada em maio deste ano, as atividades em torno da campanha servem para defender o princípio da soberania alimentar e fortalecer o debate da agroecologia para os camponeses.

ENFF forma primeira turma do NE de introdução às obras de Marx

Por Gustavo Marinho
Da Página do MST

“Estudo, trabalho e luta permanente. A causa socialista, ninguém tira da gente”. Essa foi a palavra de ordem que marcou a formatura de mais uma turma da Escola Nacional Florestan Fernandes (ENFF) no Curso de Introdução Sistemática às Obras de Karl Marx.

Reunindo militantes da Via Campesina Brasil do Nordeste e da região amazônica, a Turma Carlos Nelson Coutinho finalizou o curso na última sexta-feira (01/08), no Ceará, na cidade de Fortaleza, após seis etapas de estudo dos principais escritos de Marx.

Sonia Roseno, a primeira doutora do MST de Minas Gerais

Por Joana Tavares
Da Página do MST

A mesa tinha flores, frutas, bandeiras. O hino nacional foi tocado na viola. A sala estava cheia, e não só de estudantes. Assim começou a defesa de tese de doutorado de Sonia Roseno na Faculdade de Educação da UFMG. Soninha, como é conhecida, é a primeira Sem Terra do MST a ter o título de doutora em Minas Gerais. Em todo o Brasil, são mais de 500 mestres e doutores do MST.