LGBT Sem Terra

Clipe Oração

A canção é da cantora, compositora e atriz Linn da Quebrada e denuncia a violência, celebrando a vida e o amor

O Orgulho LGBTQIA+ Sem Terra

Na luta pela Reforma Agrária Popular a bandeira não é somente pelo direito à terra e soberania alimentar, a diversidade inclui diferentes formas de amar e de existir para se impor contra o sistema patriarcal opressor

Coletivo LBGT Sem Terra

“E foi um grito, dos sujeitos da diversidade sexual e de gênero, que fez surgir no interior do MST, as LGBT Sem Terra. Para esse sujeito coletivo, as porteiras não estavam abertas e foi no estouro das correntes que a diversidade sexual se fez presente e respeitada na nossa organização. Esses sujeitos diversos ocuparam o MST e assim, junto com sua organização, foram ocupando outro latifúndio que é o da opressão patriarcal e heteronormativa que se vincula diretamente com a dominação de classe”

LGBT Sem Terra na ENFF

Parte integrante da luta pela Reforma Agrária Popular, as LGBT Sem Terra de todo o país se encontram na Escola Nacional Florestan Fernandes para muito estudo, arte e elaboração política. Confira as imagens!

PROGRAMA SEMANAL DE ANÁLISE DE CONJUNTURA

No programa de Análise de Conjuntura desta semana, Rosa Negra, do Setor de Educação do MST - RN, fala sobre os reflexos do Coronavírus na população negra, Educação em tempos de pandemia e a MP da Grilagem
A luta também une

A luta também une

Próximo ao 28 de junho, Dia do Orgulho LGBTI, conheça a história de luta, amor e resistência de Isabel e Lúcia
LGBT Sem Terra: uma identidade de luta

LGBT Sem Terra: uma identidade de luta

Fruto da auto-organização dos sujeitos LGBT dentro do movimento, o MST tomou como decisão política pensar e articular o processo de fortalecimento das lutas e visibilidade dos LGBT Sem Terra.